sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Poesia madura


Ela procurou seu amor quando criança
Ouviu “Eu te amo muito, querida!”
Saiu correndo toda aflita e sem graça
Sem deixar recado ou pegada

Inconformada, foi buscar novas formas
Queria romper a imagem de perfeitinha
Amadurecer e perder medidas
Encontrar-se nos mais variados sentidos
Perder-se nos sentidos mais virados
Com corpo e conteúdo para se ver conformada
Apesar da estrutura velha demais para seus inventos
Apesar dos volumes métricos que sua música soa
Sempre isso a pesar...
Presa às suas linhas, soltou o fio da meada

Pular corda
Gerar eletricidade
Ligar a luz das estrelas com a divisão dos átomos
Ler a iluminada mão cruzando com a vida, a mente e o amor
Voltou ao verso inicial

Ela procurou seu amor quando criança
Ouviu “Você é foda, senhorita!”
Pediu perdão pela palavra
O vermelho na língua

Então, o poeta intitula
Ela é Poesia madura
Sustenta a gravidade
Flutuante deste poema.

3 comentários:

  1. A Poesia está em toda parte, inclusive, dentro de mim. Mas enquanto insistirmos em enxergá-la cheia de idealizações e nunca sentir o que vemos, ela sempre será distante de nossos corações e mentes, dos nossos sentidos.

    O poema poderá até ter um corpo bonito, porém sem espírito. Apenas uma forma vazia.

    ResponderExcluir
  2. Meus Parabens
    pelo otimo trabalho... Esta lindo

    "Pular corda
    Gerar eletricidade
    Ligar a luz das estrelas com a divisão dos átomos
    Ler a iluminada mão cruzando com a vida, a mente e o amor
    Voltou ao verso inicial"

    Gostei desta parte
    me faz sentir que há algo dentro de nós "pessoas" ( não estou achando as palavras certas )

    Mas é algo intrigante e belo ao mesmo tempo.


    Meus parabens amor
    lindo trabalho

    Te Amoo

    ResponderExcluir
  3. Curti muito o seu texto. Li alguns abaixo também e gostei. Resolvi comentar no primeiro porque deve ser no qual você espera receber comentários. De verdade, gostei bastante :D Tem sentimento nisso. Estou te seguindo :D se quiser retribuir, ficarei grato. Um beijo.

    ResponderExcluir